Porque uma é pouco! Porque umas 1000 é capaz de ser demais. Aqui passarão a figurar as muitas existências de mim mesma. As muitas vivências de mim para mim mesma.

30
Jul 10
Longe de ti são ermos os caminhos,
Longe de ti não há luar nem rosas,
Longe de ti há noites silenciosas,
Há dias sem calor, beirais sem ninhos!

 

Florbela Espanca


É tão bom

Faz tão bem

Apaixonarmo-nos

Todos os dias

Mais

E mais

Ainda

Pela mesma pessoa.

publicado por M.M. às 00:36

«Sempre a sonhar contigo!

Só às vezes com máquinas e afins,

mas agora sempre com uma ajudanta*!»

 

* afinal as minhas mãos grandes têm utilidade! Segurar martelos, brocas, buchas e afins!

publicado por M.M. às 00:15

Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



26
27
29


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

15 seguidores

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO