Porque uma é pouco! Porque umas 1000 é capaz de ser demais. Aqui passarão a figurar as muitas existências de mim mesma. As muitas vivências de mim para mim mesma.

22
Abr 10

«O que tu consegues fazer a este homem da ciência....

Pô-lo a escrever poesia!

Só para ti.»

 

* coisa impensável por estas bandas, cabeça!

publicado por M.M. às 01:13

Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

12




subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

15 seguidores

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO