Porque uma é pouco! Porque umas 1000 é capaz de ser demais. Aqui passarão a figurar as muitas existências de mim mesma. As muitas vivências de mim para mim mesma.

01
Mar 10

«Um dia destes rapto-te do trabalho

Para vermos os dois juntinhos

O pôr-do-sol»

«Rapta-me»

publicado por M.M. às 22:49

Adoro o meu blog.

Apaixonei-me logo no primeiro dia

Logo quando o baptizei!

 

E todoas as alegrias

E tristezas

Que por aqui fui partilhando

Fizeram-me apaixonar ainda mais por ele!

 

Que é, também, um pouco de mim.

(pronto, pronto! Já me calei)

publicado por M.M. às 20:49

«Hoje tive o melhor lanche da minha vida!»

 

* não dos que se comem... dos que se vivem intensamente!

publicado por M.M. às 01:23

 

 

Miguel Gameiro

 

É nesse abraço que eu descanso

Esse espaço que me sossega

E quando possas dá-me outro abraço

Só um não chega

 

publicado por M.M. às 00:39

 

«Agora

É assim!

Qualquer dia

Para sempre.»

publicado por M.M. às 00:16

Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

15
17


31


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

16 seguidores

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO